O QUE NAS ORAÇÕES SUBORDINADAS ADJETIVAS EXPLICATIVAS É RELATIVO AO COPIDESQUE

Autores

  • Juliane Mattei Orlandi Universidade Federal de Pelotas (UFPel)
  • Cleide Inês Wittke Universidade Federal de Pelotas (UFPel)

Resumo

Este trabalho tem por intuito traçar uma comparação entre diferentes definições apresentadas em gramáticas acerca das orações subordinadas adjetivas explicativas, apoiando-se na análise semântica e sinonímica das conceituações oferecidas, à medida que, enquanto umas as conceituam como informações adicionais, outras as definem como dispensáveis ao sentido total da frase. Utilizou-se neste artigo as obras de Faraco & Moura (1999), Perini (1999), Neves (2000), Luft (2002), Cegalla (2008) e Bechara (2009). Além disso, relacionou-se à pesquisa questões e práticas de revisão de texto, mais especificamente de copidesque, estabelecendo-se um elo entre essa atividade e o estudo das orações.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Juliane Mattei Orlandi, Universidade Federal de Pelotas (UFPel)

Acadêmica do curso de Bacharelado em Letras - Redação e Revisão de Textos da Universidade Federal de Pelotas (UFPel)

Cleide Inês Wittke, Universidade Federal de Pelotas (UFPel)

Professora Adjunta da Universidade Federal de Pelotas (UFPel).

Downloads

Publicado

2014-12-03

Como Citar

ORLANDI, J. M.; WITTKE, C. I. O QUE NAS ORAÇÕES SUBORDINADAS ADJETIVAS EXPLICATIVAS É RELATIVO AO COPIDESQUE. PERcursos Linguísticos, [S. l.], v. 4, n. 9, p. 33–42, 2014. Disponível em: https://periodicos.ufes.br/percursos/article/view/7622. Acesso em: 8 dez. 2021.