TECNOLOGIAS LIMPAS, IMPASSES SOCIOAMBIENTAIS E A LUTA ORGANIZADA DA CATEGORIA DE CATADORES/AS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22422/temporalis.2021v21n41p397-414

Resumo

O artigo tem por finalidade refletir sobre o trabalho de catadores/as no circuito econômico dos resíduos recicláveis, atividade marcada pela exploração, informalidade, desproteção social e dominação dos que controlam o processo de industrialização, com ênfase nas resistências e suas lutas para garantia de direitos, e, sobretudo, nas denúncias sobre o uso das ‘‘tecnologias limpas’’. Buscamos particularizar, na esteira do trabalho da reciclagem do lixo, exatamente esta nova ofensiva do capital, agora na sua fase de regime de acumulação financeirizado - a apropriação dos resíduos sólidos urbanos por empresas privadas de incineração e aterramento– cujo mote é produzir ‘‘energia limpa’’ mas, que em última instância é geradora de créditos de carbono – o grande negócio do mercado dos resíduos. Através de pesquisas documentais e bibliográficas buscamos decifrar a chamada ‘‘economia verde’’ – indicando ser esta a nova ideologia que vem sustentando este nicho de acumulação que dispensa o trabalho dos catadores/as e ainda usurpa deles a matéria-prima geradora de renda mínima que é meio ou complemento da sua reprodução social.

PALAVRAS-CHAVE: Catadores/as de recicláveis. Resíduos sólidos urbanos. Reciclagem. Tecnologias limpas. Movimento organizativo

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Geiziane Silva Cotrim, Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)

Assistente Social. Mestra em Serviço Social pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Assistente Social do Núcleo de Atenção à Saúde do Adolescente (NASA), em transição para o Centro de Atenção Psicossocial Infantojuvenil

Juliane Feix Peruzzo, Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)

Docente do Departamento de Serviço Social da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)

Doutora em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS)

Downloads

Publicado

2021-07-01