O pós-pandemia no lado de cá

Autores

  • Caio Martins Universidade Federal do Rio de Janeiro

DOI:

https://doi.org/10.47456/argumentum.v13i1.34426

Resumo

Este ensaio visa a estabelecer diálogo com o artigo de Rosa Maria Marques e Solange Emilene Berwig sobre as políticas sociais no mundo pós-pandemia. Considerando o exposto, as teses das autoras serão debatidas, aqui, sob duas perspectivas. Em primeiro lugar, a  respeito de sua validade mesma quanto à captação das principais tendências do capitalismo pós-pandemia, de algumas de suas implicações para a classe trabalhadora e, especialmente, das transformações que tendem a ser imprimidas pelos Estados nacionais nas políticas sociais. Em segundo lugar, à luz deste debate, trataremos da relação destas tendências captadas com as possibilidades de ações dos sujeitos históricos que podem revertê-las ou alterá-las, conformando outras possibilidades de cenários não apontados na análise.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Caio Martins, Universidade Federal do Rio de Janeiro

Administrador. Doutorado em Serviço Social. Professor Adjunto da Faculdade de Administração da Universidade Federal do Rio de Janeiro. (UFRJ, Rio de Janeiro, Brasil).

Downloads

Publicado

2021-04-30

Como Citar

Martins, C. (2021). O pós-pandemia no lado de cá. Argumentum, 13(1), 27–39. https://doi.org/10.47456/argumentum.v13i1.34426