O PROCESSO DE TRABALHO DO ENFERMEIRO NA ATENÇÃO BÁSICA: GERENCIAMENTO E ASSISTÊNCIA

THE NURSE'S WORK PROCESS IN BASIC CARE: MANAGEMENT AND ASSISTANCE

Autores

Palavras-chave:

Assistência Integral à Saúde, Atenção Primária à Saúde, Saúde Pública

Resumo

O estudo objetivou analisar o processo de trabalho do enfermeiro na Atenção Básica, relacionando as dimensões de gerenciamento e assistência. A pesquisa foi constituída através de uma revisão integrativa de literatura, sendo elas, Problematização e identificação do esboço, pesquisa literária ou em base de dados, categorização da temática, avaliação dos estudos selecionados, interpretação dos seguimentos, e a demonstração da revisão integrativa. De acordo com a literatura encontrada, foi possível estabelecer duas categorias temáticas:(I) Contribuições do processo de trabalho do enfermeiro na Atenção Básica e (II) Avaliação do gerenciamento e assistência de enfermagem na atenção básica. Contudo, foi possível identificar que a assistência de enfermagem é fundamental para a resolutividade das ações em saúde, e as práticas gerenciais contribuem para a efetivação do acesso e promoção da saúde da população, onde ressalta-se que o enfermeiro consolida as suas ações gerenciais e assistenciais de forma positiva para a população em diferentes contextos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ankilma do Nascimento Andrade Feitosa, Faculdade Santa Maria, Cajazeiras

Doutora em Ciências da Saúde pela Faculdade de Medicina do ABC – FMABC, Especialista em Auditoria em Serviços de Saúde – FACISA, Mestre em enfermagem – UFPB, Graduada em Enfermagem – FAZER, Licenciada em Enfermagem – UFPB, Docente da Faculdade Santa Maria, Cajazeiras, PB, Brasil.

Rita De Cássia Pereira Santos, Faculdade Santa Maria, Cajazeiras.

Graduanda em Enfermagem pela Faculdade Santa Maria (FSM) - Cajazeiras - PB; Capacitação em andamento em Enfermagem Forense; Membra da Comissão Propriá de Avaliação (CPA) da Faculdade Santa Maria. Atualmente é monitora da Disciplina de Fundamentos do Cuidar em Enfermagem III e foi monitora de Fundamentos do Cuidar em Enfermagem I. Na atuação acadêmica participa do projeto de extensão " Homem que é Homem tem Atitude e se Previne". É membro do Grupo de Inovações tecnológicas no ensino superior: desafios contemporâneos.Membro do grupo de estudo e pesquisa Enfermagem Forense. Atua principalmente nas seguinte áreas: Tecnologia e Saúde, Educação em Saúde, Promoção da Saúde. Enfermagem Forense.

Raimunda Leite de Alencar Neta, Faculdade Santa Maria, Cajazeiras

Graduanda em Enfermagem pela Faculdade Santa Maria (FSM), Cajazeiras, Paraíba. Membro da Comissão de Escrita Científica (CEsC) da Faculdade Santa Maria; Membro do Projeto Gráfico e Diagramação da Revista Interdisciplinar em Saúde (RIS); e Membro da Comissão Própria de Avaliação (CPA). Na atuação acadêmica participa do projeto de pesquisa "Saúde, Gênero e Sexualidade das Pessoas Privadas de Liberdade"; É membro do Grupo de Inovações tecnológicas no ensino superior: desafios contemporâneos. E faz parte do Grupo de Estudos e Pesquisa na Área da Saúde do Idoso. Atualmente é monitora da disciplina Fundamentos do Cuidar em Enfermagem I. Já atuou como colaboradora na coordenação de Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) da Faculdade Santa Maria; Ministrou minicursos voltados para a inovação tecnológica; Foi monitora da disciplina de Imunologia Básica para os cursos de: Biomedicina, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Nutrição e Odontologia; Foi membro no projeto de extensão "Qualidade de Vida no Trabalho"; E participou do projeto de pesquisa "Uso de Plantas Medicinais e Aromáticas ao Uso em Animais em Estudos não Clínicos". Durante participação em eventos científicos ganhou premiação a nível nacional. Atua principalmente nas seguintes áreas: Promoção da Saúde, Educação em Saúde, Imunologia, Sexo e Sexualidade e Oncologia.

Talina Carla da Silva, Faculdade Santa Maria, Cajazeiras

Doutora em Ciências da Saúde pela Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo (EEUSP)-2019. Mestre em Saúde Pública pela Universidade Estadual da paraíba (UEPB)-2014.Bacharelado e licenciatura em enfermagem formada pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) - 2011. Docente da Faculdade Santa Maria e Coordenadora da Pós-Graduação da Faculdade de Santa Maria de Cajazeiras. Especialista em Saúde Coletiva pela Faculdade Integrada de Patos. Cursando a Especialização de Docência no Ensino Superior pela Faculdade Santa Maria. Integrante do Núcleo de Estudos e Pesquisas Epidemiológicas (NEPE/UEPB). Membro do Grupo de Pesquisa Avaliação dos Serviços de Saúde (CNPq). Membro do Grupo de Pesquisa ?Vulnerabilidade, Adesão e Necessidades em Saúde Coletiva? (USP). Principais Áreas de Atuação: Enfermagem, Saúde Coletiva, Epidemiologia ou Vigilância em Saúde, Doenças infectocontagiosas, Saúde Coletiva, Geoprocessamento.

Macerlane de Lira Silva, Faculdade Santa Maria, Cajazeiras

Possui graduação em Enfermagem pela FSM Cajazeiras, especialização em política e gestão do cuidado com ênfase no apoio matricial pela UFPB e mestrado em Saúde Coletiva pela UNISANTOS. Atuou como Tutor no Curso de especialização em Saúde da Família e gestão de linhas de cuidado pela UFPB, campus João Pessoa. Atualmente é professor da Faculdade Santa Maria de Cajazeiras, Coordenador local do Programa de Residência Multiprofissional em Saúde Coletiva, membro do Comitê de Ética em Pesquisa da UFCG Campus Cajazeiras/PB e voluntário da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Cajazeiras?PB. Tem experiência nas áreas de Epidemiologia, Saúde Coletiva, Gestão em Saúde, Saúde da Família e Saúde da Mulher.

Referências

Barbiani, R., Nora, C. R. D., & Schaefer, R. (2016). Prácticas del enfermeroen el contexto de laatención básica: scoping review. Revista Latino-Americana de Enfermagem, 24.

Brasil, Ministério da Saúde. (2011). Portaria nº 2.488, de 21 de outubro de 2011. Aprova a Política Nacional de Atenção Básica, estabelecendo a revisão de diretrizes e normas para a organização da Atenção Básica, para a Estratégia Saúde da Família (ESF) eo Programa de Agentes Comunitários de Saúde (PACS). Diário Oficial da União. Disponível em:

http://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2011/prt2488_21_10_2011.html Acesso: em 02 abr. 2020.

Costa, A. S., Dias, R. B. F., Cerqueira, J. C. D. O., & Peixoto, R. D. C. B. D. O. (2018). O processo de enfermagem na atenção básica em um município de Alagoas, Brasil. Rev. enferm. atenção saúde, 143-151.

Ferreira, V. H. S., Teixeira, V. M., Giacomini, M. A., Alves, L. R., Gleriano, J. S., & Chaves, L. D. P. (2019). Contribuições e desafios do gerenciamento de enfermagem hospitalar: evidências científicas. Revista Gaúcha de Enfermagem, 40.

Ferreira, S. R. S., Périco, L. A. D., & Dias, V. R. F. G. (2018). A complexidade do trabalho do enfermeiro na Atenção Primária à Saúde. Revista Brasileira de Enfermagem, 71, 704-709.

Galavote, H. S., Zandonade, E., Garcia, A. C. P., Freitas, P. D. S. S., Seidl, H., Contarato, P. C., & Lima, R. D. C. D. (2016). O trabalho do enfermeiro na atenção primária à saúde. Escola Anna Nery, 20(1), 90-98.

Giovanella, L. (2018). Atenção básica ou atenção primária à saúde? Cadernos de Saúde Pública, 34(8), 1-5.

Kahl, C., Meirelles, B. H. S., Cunha, K. S. D., Bernardo, M. D. S., & Erdmann, A. L. (2019). Contribuições da prática clínica do enfermeiro para o cuidado na Atenção Primária. Revista Brasileira de Enfermagem, 72(2), 354-359.

Lakatos, E. M., & Marconi, M. D. A. (2017). Metodologia do trabalho científico: projetos de pesquisa, pesquisa bibliográfica, teses de doutorado, dissertações de mestrado, trabalhos de conclusão de curso. São Paulo: Atlas.

Nunes, L. O., Castanheira, E. R. L., Dias, A., Zarili, T. F. T., Sanine, P. R., Mendonça, C. S., & Nemes, M. I. B. (2018). Importância do gerenciamento local para uma atenção primária à saúde nos moldes de Alma-Ata. Revista Panamericana de Salud Pública, 42, e175.

Oliveira, M. M. D., & Pedraza, D. F. (2019). Contexto de trabalho e satisfação profissional de enfermeiros que atuam na Estratégia Saúde da Família. Saúde em Debate, 43, 765-779.

Sousa, M. N. A., & Santos, E. V. L. (2016). Medicina e pesquisa: um elo possível. Ed. 1, Editora Prismas.

Tenório, H. A. D. A., Souza, I. B., Gomes Junior, E. D. L., Santos, R. F. E. P. D., Correia, D. S., Viana, L. D. S., ... & Brandão, T. M. (2019). Gestão e gerenciamento de enfermagem: perspectivas de atuação do discente. Revista de enfermagem da UFPE online, 1-10.

Santos, J. L. G. D., Pestana, A. L., Guerrero, P., Meirelles, B. S. H., & Erdmann, A. L. (2013). Práticas de enfermeiros na gerência do cuidado em enfermagem e saúde: revisão integrativa. Revista Brasileira de Enfermagem, 66(2), 257-263.

Publicado

2020-11-18

Como Citar

Feitosa, A. do N. A. ., Santos, R. D. C. P. ., Alencar Neta, R. L. de ., Silva, T. C. da ., Silva, M. de L. ., & Dantas, J. L. P. . (2020). O PROCESSO DE TRABALHO DO ENFERMEIRO NA ATENÇÃO BÁSICA: GERENCIAMENTO E ASSISTÊNCIA: THE NURSE’S WORK PROCESS IN BASIC CARE: MANAGEMENT AND ASSISTANCE. Brazilian Journal of Production Engineering - BJPE, 6(6), 199–207. Recuperado de https://periodicos.ufes.br/bjpe/article/view/32792

Edição

Seção

TECNOLOGIA E INOVAÇÃO NA SAÚDE - TECHNOLOGY AND INNOVATION IN HEALTH

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)