No bosque da tradução, a adaptação: fronteiras e encruzilhadas

Autores

Resumo

Abordar o conceito de adaptação equivale, em seu bojo, a roçar as vestes da tradução. Hoje, a Teoria da Adaptação envereda por caminhos específicos, que apontam para a sua especificidade, contudo, no início de sua discussão, era tida como resultado de uma prática tradutória. Dessa forma, este trabalho coteja alguns tópicos provenientes dos Estudos da Tradução para se refletir sobre o tratamento dispensado ao processo adaptativo, quer sejam as nuances de afinidade que possuem, quer sejam as fronteiras que balizam tradução e adaptação. O objetivo é mapear, mediante pesquisa bibliográfica, as principais investigações teóricas que, de início, consideraram a adaptação uma espécie de ato tradutório.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Saulo Lopes de Sousa , Universidade Estadual do Maranhão - UEMA

Mestre em Letras (2018) pela Universidade Estadual do Maranhão (UEMA). Especialista em Estudos Linguísticos e Literários (2015) pela Universidade Estadual do Piauí (UESPI), Campus Torquato Neto (Teresina). Graduado de Letras/Literatura (2014) pela Universidade Estadual do Maranhão (UEMA). Professor de Língua Portuguesa no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - IFMA/Campus Açailândia. Membro do GELITI - Grupo de Estudos Literários e Imagéticos (UEMASUL), atuando nas seguintes linhas de pesquisa: 1) Estudos literários em diálogos com outros saberes; 2) Cinema e ensino. Áreas de interesse: Teoria literária (com ênfase em Narratologia); Literatura comparada; Estudos interartes; Cinema e dispositivos midiáticos; Teoria da adaptação (com ênfase na obra do diretor Luiz Fernando Carvalho para cinema e televisão).

Gilberto Freire de Santana, Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão – UEMASUL

Professor Adjunto da Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão (UEMASUL), coordenador do Curso de Mestrado em Letras da UEMASUL, docente permanente do Curso de Mestrado em Letras da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA). Possui Doutorado em Letras em Teoria Literária pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2011), Mestrado em Teoria Literária pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2001), graduação em Comunicação Social - Jornalismo pelo Centro de Ensino Unificado de Brasília (1981). Pesquisador do grupo GELITI (Grupo de Estudos Literários e Imagéticos), certificado pelo UEMASUL e registrado no diretório da CNPq, atuando na linha de pesquisa Estudos literários em diálogos com outros saberes e Ensino e cinema. Interesses de pesquisa: Literatura e imagem, Literatura ensino, Cinema e ensino, Literatura e adaptação cinematográfica, Estudos sobre literatura e outras artes (teatro, música e fotografia). Letramento cinematográfico. Estudos da narrativa brasileira Literatura brasileira moderna e contemporânea. Literatura, arte e cultura: o regional, etnorracial e indígena.

Downloads

Publicado

2021-11-23

Edição

Seção

Dossiê LITERATURA E TRADUÇÃO (n. 40)