“UM JOGO DE MAPAS” OU SOBRE ENGANO GEOGRÁFICO DE MARÍLIA GARCIA

Autores

  • Pablo Simpson Vunesp. Fundação Carlos Chagas

Resumo

RESUMO: Este ensaio pretende analisar o livro Engano geográfico de Marília Garcia, publicado em 2012. Trata-se de um longo poema narrativo que relata uma viagem pelas paisagens espanhola e francesa, e que permite indagar diversos deslocamentos do eu. Um deles, assinalado pela duplicidade entre percurso geográfico e poético, no que pude caracterizar como um entre-lugar dado pelo signo da espera. Um segundo, através de uma instância dialogal que possibilita um processo de despoetização da linguagem com a sua permeabilidade a outras vozes. Por fim, através da presença de diversos pronomes “eu”, “ele”, “ela”, “você”, sem referência textual explícita, e que indicariam uma espécie de proximidade da atenção amorosa.

PALAVRAS-CHAVE: Poesia brasileira do século XXI. Marília Garcia – Engano geográfico. Viagem – Tema literário.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-06-10

Edição

Seção

Artigos (Dossiê)