O PROCESSO DE MODERNIZAÇÃO DA VIDA SOCIAL E OS ASPECTOS TEÓRICOS DA MEMÓRIA

Autores

Resumo

O presente artigo buscou relacionar as teorias que acompanham o processo de modernização da vida social com elementos destacados no arcabouço teórico-histórico da memória social, a fim de compreender uma conexão entre as dimensões efetivas da vida social e os reflexos teóricos desta prática na perspectiva da transformação e ressignificação de sentidos. Como metodologia o rastro da memória social, discutido a partir dos clássicos chegando até o pensamento contemporâneo, balizou o percurso histórico dos argumentos seguidos de experimentações efetivas da análise sociológica. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

DEYSE CORTES PEREIRA, UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

Assistente social, mestranda no Programa de Memória Social da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO), na linha de pesquisa Memória e Espaço. E-mail: cortesdeyse@gmail.com.

Publicado

25-05-2018

Como Citar

PEREIRA, D. C. O PROCESSO DE MODERNIZAÇÃO DA VIDA SOCIAL E OS ASPECTOS TEÓRICOS DA MEMÓRIA. Revista Ágora, [S. l.], n. 25, 2018. Disponível em: https://periodicos.ufes.br/agora/article/view/13633. Acesso em: 5 dez. 2021.

Edição

Seção

Artigos