PERFIL DAS OCORRÊNCIAS POLICIAIS DA CIDADE DE ITAMARAJU-BA UTILIZANDO TÉCNICAS DE MINERAÇÃO DE DADOS.

Autores

DOI:

https://doi.org/10.0001/%25x

Resumo

Este trabalho analisa os dados de ocorrências policiais da Cidade de Itamaraju-BA do período de 2016-2018. O objetivo é descobrir o perfil das ocorrências policiais registradas no período de 2016 a 2018 utilizando técnicas de mineração de dados implementadas com Software R. No pré-processamento realiza-se a identificação e tratamento de inconsistências, além das adequações necessárias no conjunto de dados para análise. Na etapa de mineração da dedos utiliza-se o algoritmo Apriori para identificação das correlações entre dois ou mais tipos de ocorrências o que possibilita a descoberta do perfil das ocorrências policiais. No Pós-processamento utiliza-se a API do Google Maps para construção de um mapa de calor das ocorrências. O perfil das ocorrências é exibido através de gráficos que mostram a grande incidência de violência doméstica na cidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Raphael Silva Souza

Discente do curso de Engenharia da Computação da Universidade Federal do Espirito Santo e Desenvolvedor Júnior da Pagar.me

Wilian Hiroshi Hisatugu

Bacharel em Ciência da Computação pela Universidade Estadual de Londrina (2000), mestrado em Telecomunicações pelo Instituto Nacional de Telecomunicações (2002) e doutorado em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal do Espírito Santo (2013). Atualmente é professor adjunto do Departamento de Computação e Eletrônica do Centro Universitário do Norte do Espírito Santo. Tem experiência na área de Engenharia Elétrica, com ênfase em Telecomunicações, atuando principalmente nos seguintes temas: Redes Sem Fio de Banda Larga, Planejamento de Capacidade e Análise de Desempenho de Redes, Matemática Aplicada a Telecomunicações.

Silvia das Dores Rissino

Doutora em Ciências em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal de Itajubá (2009), mestre em Ciências da Computação pela Universidade Federal de Santa Catarina (2001), especialista em Redes de Computadores pela UFPA (1997) e Bacharel em Ciência da Computação pela Universidade Federal do Pará (1994). Professora Associada da Universidade Federal do Espírito Santo, com experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Banco de Dados, atuando principalmente nos seguintes temas: desenvolvimento de soluções em ambiente de redes inteligentes, tratamento de inconsistências e indeterminações, controle de concorrência em banco de dados relacionais; mineração de dados e segurança da informação. 

Referências

DAVIS, L. Handbook of Genetic Algorithms. Publisher: Van Nostrand Reinhold; 1st edition January 1991.P 395. ISBN-13: 978-0442001735.
DEURSEN, F. O Brasil tem mais assassinatos do que todos esses países somados Disponível em: <https://super.abril.com.br/blog/contaoutra/o-brasil-tem-mais-assassinatos-do-que-todos-estes-paises-somados/>. Acesso em: 30 maio 2019.
ELIAS, Diego. Dados VS Informação: Qual a diferença? [S. l.]. Disponível em: <https://www.binapratica.com.br/dados-x-informacao>. Acesso em: 27 maio 2019.
FAYYAD, U.; PIATETSKY-SHAPIRO, G.; SMYTH, P. The kdd process for extracting useful knowledge from volumes of data. Communications of the ACM, ACM, v. 39, n. 11, p. 27–34,1996.
GOLDSCHMIDT, Ronaldo;Passos, Emmanuel. Data Mining um guia prático. Elsevier Editora Ltda. 2005. Rio de Janeiro. ISBN: 85-352-1877-7.
HAYKIN, S. Neural Networks: A Comprehensive Foundation. Prentice Hall,1999.p.842. ISBN-10: 0132733501.ISBN-13: 978-0132733502.
IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Itamaraju. Disponível em: https://cidades.ibge.gov.br/brasil/ba/itamaraju/panorama. Acesso em 30 maio 2019
IPEA. Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicada. Atlas da Violência 2018. 2018. P.93. Disponível em: <http://www.ipea.gov.br/portal/images/stories/PDFs/ relatorio_institucional/180604_atlas_da_violencia_2018.pdf>. Acessado em 05 junho 2019.
MATOS, David. Cientista de Dados na Análise de Crimes. [S. l.]. Disponível em: <http://www.cienciaedados.com/cientista-de-dados-na-analise-de-crimes/>. Acesso em: 29 maio 2019.
MICHIE, D.; SPIEGELHALTER, D.; TAYLOR, C. Machine Learning, Neural and Statistical Classifications. Ellis Horwood, 1994.
MundoGeo. Mapeamento de crimes e policiamento comunitário. Abril/2012. Disponível em: <https://mundogeo.com/2002/07/01/mapeamento-de-crimes-e-policiamento-comunitario/. Acesso em 30 maio 2019.
NETO, SILVINO DEOLINO. Mineração de dados de ocorrências criminais para identificação de zonas de alta criminalidade em fortaleza e região metropolitana. 2017. Monografia (Graduação Sistemas de Informação) - Universidade Federal do Ceará, QUIXADÁ, 2017.
R Cran. The Comprehensive R Archive Network. [S. l.]. Disponível em: < https://cran.r-project.org/>. Acesso em: 28 maio 2019.
RISSINO, SILVIA; LAMBERT-TORRES, GERMANO. Rough Set Theory – Fundamental Concepts, Principals, Data Extraction, and Applications. Disponível em: <https://www.intechopen.com/books/data_mining_and_knowledge_discovery_in_real_life_applications/rough_set_theory_fundamental_concepts__principals__data_extraction__and_applications>. Acesso em 30 maio 2019.
ROMÃO, WESLEY. Descoberta de conhecimento relevante em banco de dados sobre ciência e tecnologia. 2002. Tese de pós-graduação (pós-graduação em engenharia de produção) - Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2002.
SILVA, BRUNO FONTANA da; DINIZ, JEAN; BORTOLUZZI, MATIAS AMÉRICO. Minicurso de Estatística Básica: Introdução ao Software R. 04/2009. Disponível em: < http://www.uft.edu.br/engambiental/prof/catalunha/arquivos/r/r_bruno.pdf>. Acesso em: 05 jun. 2019.

Downloads

Arquivos adicionais

Publicado

2019-09-19

Como Citar

Souza, R. S., Hiroshi Hisatugu, W., & das Dores Rissino, S. (2019). PERFIL DAS OCORRÊNCIAS POLICIAIS DA CIDADE DE ITAMARAJU-BA UTILIZANDO TÉCNICAS DE MINERAÇÃO DE DADOS. Brazilian Journal of Production Engineering - BJPE, 5(4), 66–81. https://doi.org/10.0001/%x

Edição

Seção

INFORMAÇÃO & CONHECIMENTO - INFORMATION & KNOWLEDGE