DIAGNÓSTICO DE DESENVOLVIMENTO ORGANIZACIONAL EM UMA INSTITUIÇÃO PÚBLICA FEDERAL DE ENSINO SUPERIOR: CASAS E FAZENDA EXPERIMENTAL

Autores

  • Edmir Vieira Lima Sobrinho Universidade Federal do Espírito Santo, Centro Universitário Norte do Espírito Santo, Departamento de Engenharias e Tecnologia. Rodovia BR 101 Norte, Km 60, Bairro Litorâneo, CEP, São Mateus, Espírito Santo, Brasil. Fone/Fax: 55 27 3312-1710
  • Johnatan Correia Mantay de Paula Universidade Federal do Espírito Santo, Centro Universitário Norte do Espírito Santo, Departamento de Engenharias e Tecnologia. Rodovia BR 101 Norte, Km 60, Bairro Litorâneo, CEP, São Mateus, Espírito Santo, Brasil. Fone/Fax: 55 27 3312-1710
  • Marcos Antonio Zani Filho Universidade Federal do Espírito Santo, Centro Universitário Norte do Espírito Santo, Departamento de Engenharias e Tecnologia. Rodovia BR 101 Norte, Km 60, Bairro Litorâneo, CEP, São Mateus, Espírito Santo, Brasil. Fone/Fax: 55 27 3312-1710
  • Pedro Garcia Monteiro Universidade Federal do Espírito Santo, Centro Universitário Norte do Espírito Santo, Departamento de Engenharias e Tecnologia. Rodovia BR 101 Norte, Km 60, Bairro Litorâneo, CEP, São Mateus, Espírito Santo, Brasil. Fone/Fax: 55 27 3312-1710
  • Victor Vantil Lachini Universidade Federal do Espírito Santo, Centro Universitário Norte do Espírito Santo, Departamento de Engenharias e Tecnologia. Rodovia BR 101 Norte, Km 60, Bairro Litorâneo, CEP, São Mateus, Espírito Santo, Brasil. Fone/Fax: 55 27 3312-1710
  • Rodrigo Randow de Freitas Universidade Federal do Espírito Santo, Centro Universitário Norte do Espírito Santo, Departamento de Engenharias e Tecnologia. Rodovia BR 101 Norte, Km 60, Bairro Litorâneo, CEP, São Mateus, Espírito Santo, Brasil. Fone/Fax: 55 27 3312-1710

DOI:

https://doi.org/10.0001/EO33

Resumo

O Desenvolvimento Organizacional (DO) surgiu objetivando mudar
pessoas, natureza e qualidade das relações de trabalho. Tem enfoque na mudança cultural da organização. Por exemplo, Motta (1972) define o DO como uma estratégia educacional voltada para uma mudança organizacional planejada, visando responder demandas exigidas, enfatizando o comportamento baseado na experiência. Mudanças essas conduzidas por agentes externos e internos conjuntamente.

Com o exposto, existem variadas técnicas de DO, utilizadas como agentes eficazes quanto à coleta dados e ações de intervenção. Dentre elas podemos citar o managerial grid e a matriz SWOT. 

O primeiro, é um modelo de DO que consiste em um questionário que avalia a gestão, com enfoque na produção, nos resultados atingidos pelos esforços e nos colaboradores. Já a segunda, contribui para elaboração de estratégias mais eficazes, por meio da análise do ambiente interno e externo.

Portanto, o objetivo desse estudo é realizar uma análise sobre o DO, assim, ampliando a visão e obtendo informações sobre a organização essencialmente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Chiavenato, I; Sapiro, A. (2003). Planejamento estratégico: fundamentos e aplicações. Rio de Janeiro: Elsevier.

Motta, F.C.P. (1972). Algumas considerações sobre o desenvolvimento organizacional. Revista de Administração de Empresas, 12(2), 35-45. The Blake and Mouton Managerial Grid: Leadership Self Assessment Questionnaire. https://www.bumc.bu.edu/facdev-medicine/files/2010/10/Leadership-Matrix-Self-Assessment-Questionnaire.pdf

Downloads

Publicado

2015-11-06

Como Citar

Sobrinho, E. V. L., Paula, J. C. M. de, Filho, M. A. Z., Monteiro, P. G., Lachini, V. V., & Freitas, R. R. de. (2015). DIAGNÓSTICO DE DESENVOLVIMENTO ORGANIZACIONAL EM UMA INSTITUIÇÃO PÚBLICA FEDERAL DE ENSINO SUPERIOR: CASAS E FAZENDA EXPERIMENTAL. Brazilian Journal of Production Engineering - BJPE, 1(1), 1–4. https://doi.org/10.0001/EO33

Edição

Seção

ENGENHARIA ORGANIZACIONAL - ORGANIZATIONAL ENGINEERING