A IMPLANTAÇÃO DA POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SÓLIDOS (PNRS) NO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO

Autores

  • Bárbara Moreto Pereira Universidade Federal do Espírito Santo, Centro Universitário Norte do Espírito Santo, Departamento de Engenharias e Tecnologia (DETEC), Curso de Engenharia de Produção, Subprojeto de Iniciação Científica. Rodovia BR 101 Norte, Km 60, Bairro Litorâneo, CEP, São Mateus, Espírito Santo, Brasil. Phone/Fax: 55 27 3312-1710
  • Gisele de Lorena Diniz Chaves Universidade Federal do Espírito Santo, Centro Universitário Norte do Espírito Santo, Departamento de Engenharias e Tecnologia (DETEC), Curso de Engenharia de Produção, Subprojeto de Iniciação Científica. Rodovia BR 101 Norte, Km 60, Bairro Litorâneo, CEP, São Mateus, Espírito Santo, Brasil. Phone/Fax: 55 27 3312-1710

DOI:

https://doi.org/10.0001/ES09

Resumo

Atualmente, são mais de 190 milhões de brasileiros gerando resíduos. Em 2014, aproximadamente 79,6 milhões de toneladas de resíduos sólidos urbanos (RSU) foram gerados no país (ABRELPE, 2014). Nesse sentido, o Governo Federal elaborou a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS). Gerir esses resíduos, exige o envolvimento de diversas secretarias municipais, depende de recursos financeiros, necessita de fiscalização constante (Santiago & Dias, 2012), e da união de elementos políticos. Apesar de ser uma norma legal bem estruturada, os municípios enfrentam dificuldades em implantar as exigências da PNRS em nível local (Chaves et al. 2014). 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais – ABRELPE (2014) – Panorama dos Resíduos Sólidos no Brasil. São Paulo, Brasil. http://www.abrelpe.org.br/Panorama/panorama2014.pdf

Associação dos Municípios do Estado do Espírito Santo – AMUNES (2014) – Ata da Reunião TCA – Nova Venécia 2014-04-02. Sistema de Acompanhamento dos TCA. Vitória, ES, Brasil. http://www.amunes.com.br/tca.php

Chaves, G.L.D.; Santos Jr., J.L.; Rocha, S.M.S. (2014) – The challenges for solid waste management in accordance with Agenda 21: A Brazilian case review. Waste Management & Research, 32(9): 19-31. DOI: 10.1177/0734242X14541987

Santiago, L.S.; Dias, S.M.F. (2012) – Matriz de indicadores de sustentabilidade para a gestão de resíduos sólidos urbanos. Engenharia Sanitária Ambiental (ISSN 1413-4152), 17(2):203-212, Feira de Santana, BA, Brasil. http://www.scielo.br/pdf/esa/v17n2/a10v17n2.pdf

Downloads

Publicado

2015-11-06

Como Citar

Pereira, B. M., & Chaves, G. de L. D. (2015). A IMPLANTAÇÃO DA POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SÓLIDOS (PNRS) NO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO. Brazilian Journal of Production Engineering - BJPE, 1(1), 1–3. https://doi.org/10.0001/ES09

Edição

Seção

ENGENHARIA DA SUSTENTABILIDADE - SUSTAINABILITY ENGINEERING