Utilização de hortas escolares na promoção da educação alimentar com alunos do ensino fundamental

Autores

  • Renata Fernandes de Matos Universidade Estadual do Ceará

DOI:

https://doi.org/10.47456/krkr.v1i9.30186

Resumo

A utilização de hortas na educação alimentar é uma estratégia que possibilita agregar as informações teóricas repassadas pelos professores com os conhecimentos práticos desenvolvidos juntos aos alunos. Nesse contexto, diversos são os projetos possíveis de serem desenvolvidos para o trabalho da temática. Com o objetivo de investigar a eficiência da utilização de hortas no ensino da educação alimentar desenvolveu-se a presente pesquisa, tendo como foco escolas de ensino fundamental. Para isto, foram coletadas informações por meio da aplicação de questionários a alunos de duas escolas do município de Iguatu-CE, participantes de um projeto de extensão com hortas promovidos por alunos do curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da UECE/FECLI. Em cada escola foram avaliadas duas turmas de sexto ano, totalizando 80 alunos participantes, contando para isto com a autorização dos pais, tendo em vista serem alunos menores de idade. Pelos resultados obtidos identificou-se que com a utilização de hortas nas aulas de educação alimentar os alunos puderam adquirir conhecimentos variados, pondo, a maioria destes, em prática a alimentação saudável. Os alunos realizam o consumo de hortaliças e reconhecem os benefícios destas, sendo os mesmos estimulados a instalarem hortas em suas próprias casas e a estenderem os conhecimentos adquiridos para o âmbito familiar. Assim, conclui-se que a utilização de hortas para o ensino da educação alimentar é uma prática viável e eficaz, resultando em benefícios para todos os envolvidos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renata Fernandes de Matos, Universidade Estadual do Ceará

É professora do Curso de Ciências Biológicas da UECE/FECLI, atuando no setor de Genética e Evolução. Engenheira Agrônoma pela Universidade Federal do Ceará, Campus Cariri (2013). Mestre em Agronomia/Fitotecnia com ênfase em Genética e Melhoramento de Plantas, pela Universidade Federal do Ceará (2016). Doutoranda em Agronomia/Fitotecnia com ênfase em Genética e Melhoramento de Plantas, pela Universidade Federal do Ceará. Participou do Grupo de Pesquisa e Extensão em Agroecologia (GPEA) e do Núcleo de Estudo em Fitotecnia e Melhoramento de Plantas (NEFIMP)

Downloads

Publicado

2020-12-31

Edição

Seção

Artigos