Entre o ensino e a vocação: dificuldades enfrentadas pelos professores da rede estadual e municipal de Colmeia/TO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.47456/krkr.v1i10.30794

Resumo

A escolha de uma profissão é um dos momentos mais importantes na vida pessoal, algumas pessoas buscam conciliar a profissão dos seus sonhos com o mercado de trabalho. Várias pesquisas com professores da rede pública de ensino têm relatado uma alta demanda com transtornos relacionados aos níveis de estresse, muitas vezes ocasionados pelo excesso de trabalho que transpassa o ambiente escolar. O presente estudo foi desenvolvido na cidade de Colmeia, situada no Estado do Tocantins, com 42 professores de ambos os sexos das escolas estaduais e municipais da região, atuantes na sala de aula, com a idade mínima de 20 anos. O artigo teve como abordagem principal fazer uma correlação entre o exercício da profissão como uma vocação ou uma escolha circunstancial e, fazer um paralelo dos níveis de estresse desenvolvido em ambas as situações. Os resultados apontaram vários motivos que estão associados ao adoecimento dos docentes atuantes na educação e ensino, demonstrando que a profissão professor exerce um grande esforço para a sua efetiva execução.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Welton Cardoso, IESC/Faculdade Guaraí

Licenciado em Ciências Biológicas, IESC/Faculdade Guaraí.

Mateus Santos Silva, IESC/Faculdade Guaraí

Licenciado em Ciências Biológicas, Instituto Educacional Santa Catarina/Faculdade Guaraí.

Aluisio Vasconcelos de Carvalho, IESC/Faculdade Guaraí

Licenciado em Biologia, especialista em Educação Ambiental e Desenvolvimento Sustentável, Análises clínicas e Zoologia, mestre em Ciências do Ambiente e especialização em andamento em Fitoterapia e Análises clínicas veterinária. Atualmente é Professor Adjunto do IESC/Faculdade Guaraí nos cursos de Biomedicina, Ciências Biológicas, Pedagogia e Zootecnia.

Júlio Cesar Ibiapina Neres, IESC/Faculdade Guaraí

Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual do Piauí (2001) e Mestrado em Ciências Ambientais e Saúde pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás (2008). Atualmente, sou Professor e Coordenador do Curso de Ciências Biológicas, modalidade Licenciatura do Instituto Educacional Santa Catarina, Faculdade Guaraí. Acumulando o cargo de Servidor Público Estadual na SEDUC do Estado do Tocantins, exercendo o cargo de Professor da Disciplina de Biologia, no ensino Médio, lotado no Centro de Ensino Médio Oquerlina Torres, Guaraí TO. Integrante do Banco de Avaliadores do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior - BASis/INEP (MEC) e Colaborador Voluntário do Grupo de Estudos em Democracia e Gestão Social da UNESP (GEDGS).

Izidorio Paz Fernandes Neto, IESC/Faculdade Guaraí

Possui graduação em Pedagogia pelo Instituto Educacional Santa Catarina, Faculdade Guaraí (2015). Especialista em Administração e Inspeção Escolar pela Universidade Cândido Mendes (2016).Mestrando do PPGE- Ensino da Universidade do Vale do Taquari- UNIVATES/RS. Professor da Rede Municipal de Ensino de Guaraí-Tocantins e Professor dos cursos de Pedagogia e Ciências Biológicas do Instituto Educacional Santa Catarina/IESC- FAG. 

Downloads

Publicado

2021-06-30

Edição

Seção

Artigos