Anúncios

Chamada de trabalhos para o dossiê "Dossiê Linguística Aplicada e Estudos da Deficiência: aproximações (im)possíveis"

25-12-2023

Os estudos contemporâneos desenvolvidos no âmbito da Linguística Aplicada (LA) não têm medido esforços para considerar as complexas transformações na relação indissociável entre práticas sociais e uso da linguagem. De modo a potencializar as condições de análise de seus objetos de investigação, a LA mobiliza articulações teóricas e metodológicas com diferentes áreas do conhecimento como as Ciências Sociais, as Ciências da Educação, a Psicologia, dentre outras, o que enfatiza a sua natureza transdisciplinar. Destaca-se, entre esses estudos, a compreensão de linguagem como elemento fundamental dos processos de subjetivação, isto é, de produção de subjetividades; como possibilidade de entendimento de si e dos outros (MASTRELLA-DE-ANDRADE, 2013; PESSOA, 2019; JORDÃO, 2019). Impulsionadas pela perspectiva dos Estudos Decoloniais, algumas pesquisas em LA têm buscado problematizar estruturas coloniais encontradas no Sul Global e que resultam de um processo baseado na matriz colonial de poder (MIGNOLO, 2017). Além de oferecerem elementos para romper com formas de pensamento patriarcais, brancas, europeias, universais, que constroem nossas ontoepistemes (MIGNOLO, 2017; GROSFOGUEL, 2010; MENEZES DE SOUZA, 2019), esses trabalhos também focam temáticas e questões de linguagem relacionadas com grupos historicamente posicionados à margem da sociedade como mulheres, pessoas negras (pretas e pardas), indígenas, LGBTQIAP+ e suas interseccionalidades. Na esteira dessa perspectiva, esta proposta de dossiê objetiva reunir trabalhos que apresentam pesquisas ou discussões em LA que tematizam outro grupo marginalizado: as pessoas com deficiência. Serão aceitos, portanto, artigos que relacionam a LA e os Disability Studies e focalizam, dentre outros temas possíveis, os modelos de deficiência e subjetividade; práticas sociais e pessoas com deficiência; translinguagem e deficiência; ensino e aprendizagem de línguas com pessoas com deficiência; inclusão escolar; currículo e deficiência; formação de professores, entre outros. Assumimos que a proposta de dossiê poderá se tornar uma grande contribuição para a visibilidade dos estudos sobre deficiência, decolonialidade e linguagem além de contribuir para a identificação, interrogação e a urgente interrupção (MENEZES DE SOUZA, 2019) das colonialidades relacionadas às pessoas com deficiência no Sul Global.

Organizadores: Luciana Ferrari e Pedro Witchs

Submissão de artigos: 01 de janeiro a  15 de março

Publicação: Julho de 2024.

Saiba mais sobre Chamada de trabalhos para o dossiê "Dossiê Linguística Aplicada e Estudos da Deficiência: aproximações (im)possíveis"

Edição Atual

v. 13 n. 35 (2023): Revista PERcursos Linguísticos - Dossiê - Leitura e Formação Humana: reflexões teóricas e aplicadas

Organização: Vanda Elias (UNIFESP), Maria da Penha Pereira Lins (UFES) e Guilherme Brambila (UNIFESP).

Publicado: 10-12-2023

Expediente

Apresentação

Política Editorial

Volume Completo

Ver Todas as Edições

A revista eletrônica  PERcursos Linguísticos é uma publicação do Programa de Pós-Graduação em Linguística da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) e tem como objetivo divulgar resultados de pesquisas desenvolvidas por pesquisadores, brasileiros e estrangeiros, que se dedicam aos estudos linguísticos em diferentes níveis, sejam eles doutores, pós-graduandos, graduados ou alunos de Iniciação Científica.
ISSN: 2236-2592

Atualmente a revista está avaliada no Qualis Capes como B2.

A revista está indexada em: LATINDEXDiadorimJOURNALSEEKER, SEER,  SUMÁRIOS.ORGJournals4free, SHERPA/RoMEOGoogle Scholar/MetricsLIVRE,WorldCat.org,EZB-Elektronische ZeitschriftenbibliothekWZBERIHplusCIRCCCG / IBT - UNAMVérsila-Biblioteca DigitalREDIB , SEER , ZDB , JURNDOAJ , Periódicos.CapesThe Linguist ListBASEI2OR, MLA , Europub , Scilit , ROAD